Coluna ADI-PR
Bolsa Família
Agência Brasil/Divulgação
Bolsa Família (Foto: Agência Brasil/Divulgação)

O governo federal comunicou vai enviar projeto de lei ao Congresso Nacional para combater fraudes no programa Bolsa Família por meio do cruzamento de dados da declaração do imposto de renda. Segundo o governo, o cruzamento dessas informações tem o potencial de melhorar os resultados das ações de combate a fraudes que, nos últimos anos, permitiram uma redução expressiva de despesas com o pagamento de benefícios sociais irregulares.


Sem burocracia

Com rapidez na análise de projetos, a prefeitura de Maringá conseguiu aumentar área construída na cidade para 1,1 milhão de metros quadrados. A prefeitura atendeu demanda de arquitetos e engenheiros e agilizou em 2019 procedimentos para a liberação dos alvarás de construção. O ano de 2020 começa com redução, em média, de 90 para 15 dias na análise de processos. A Secretaria de Planejamento começou 2019 com uma demanda de 2,3 mil processos em janeiro e atendeu 1,3 mil.


Cascavel

Os moradores da Linha Ipiranga no Distrito Sede de Alvorada está recebendo mais 3,7 quilômetros de asfalto. O asfalto integra a parceria com a Itaipu Binacional por meio da qual estão sendo implantados os primeiros 30 quilômetros na área rural de Cascavel.


Sem aftosa

O deputado Anibelli Neto (MDB) comemora: começou a vigorar no Paraná novas regras para o trânsito de animais vacinados contra febre aftosa provenientes de zona livre da doença com vacinação. A instrução normativa determina a proibição de ingresso e incorporação de animais vacinados contra a febre aftosa no Paraná. A exceção é para a entrada de animais (bois e búfalos) destinados a abate.


Coaf no BC

O presidente Jair Bolsonaro sancionou a lei que transfere o Coaf do Ministério da Economia para o Banco Central. Compete ao presidente do Banco Central escolher e nomear o presidente do Coaf e os membros do conselho. O órgão é formado pelo presidente e por 12 servidores efetivos com conhecimento nas áreas de prevenção e combate à lavagem de dinheiro.


Mais investimentos

O Paraná se prepara para investir R$ 8,7 bilhões em 2020. Pelas secretarias, o investimento será de R$ 3,4 bilhões. Outros R$ 3,7 bilhões serão investidos pela Copel, Sanepar e Compagás. Há ainda mais R$ 1,6 bilhão em empréstimos já autorizados pela Assembleia Legislativa e que aguarda aval federal. O valor é cerca de 340% maior do que em 2019.


Maior PIB do Oeste

Entre 30 maiores PIBs do Paraná divulgados pelo IBGE, Foz do Iguaçu é responsável pelo maior percentual na região oeste. A cidade, que gerou R$ 13,463 bilhões em 2017, se  beneficiou do turismo em alta, nesses últimos anos, mas o fator principal é porque sedia a usina de Itaipu, a que mais contribui para o PIB iguaçuense.


Cadê as obras?

O deputado Romanelli (PSB) acredita que a suspensão de três concessionárias de participar das novas licitações do pedágio vai pressionar as empresas a cumprir com a execução das obras previstas no contrato original de concessão, entre elas, a duplicação completa da Rodovia do Café e o término da duplicação da BR-277 entre Cascavel e Foz do Iguaçu.


Linha verde

Durante uma live do presidente estadual do MDB, João Arruda, o arquiteto e urbanista Forte Netto defendeu a eliminação dos semáforos e a implantação de nove intervenções entre trincheiras e viadutos para a redução do tempo de tráfego na Linha Verde. As intervenções, segundo ele, podem ser feitas em quatro anos. O caótico trânsito na Linha Verde, ao que parece, será um dos temas em debate nas eleições municipais de Curitiba.


Taxar o sol?

A discussão sobre a taxação do uso da energia solar perdeu a força esperada. A proposta da Aneel, de rediscutir os incentivos dados à produção e ao consumo de energia solar foi barrada pelos presidentes Jair Bolsonaro, Rodrigo Maia (Câmara dos Deputados) e David Alcolumbre (Senado). O propósito dos empresários e dos eletrotecas era tributar os consumidores de energia solar.


Biometria

O Paraná já tem 97,9% dos eleitores cadastrados para o voto biométrico, segundo dados do TSE. Dos 8.068.762 de eleitores paranaenses, 7.906.593 já fizeram o cadastramento. Em todo o País, a identificação por digitais atingiu 78,08% do eleitorado, alcançando 115.469.403 pessoas.  O TSE espera comprar 100 mil urnas eletrônicas, das 180 mil previstas em licitação.


Deltan em guerra

O coordenador da Operação Lava Jato, Deltan Dallagnol, questionou a atuação do STF nos processos sobre esquemas de corrupção na Petrobras. “Quantas pessoas o Supremo condenou até agora na Lava Jato, quase seis anos depois? O esquema era político partidário, permeado de muitos detentores de foro privilegiado”, indagou.


Zerar a fila

O Ministério da Saúde reservou R$ 250 milhões a mais para aumentar o número de cirurgias eletivas a serem realizadas pelo SU). Os repasses começam a ser feitos já em janeiro para diminuir as filas para 53 tipos de procedimentos que incluem catarata, varizes, hérnia, vasectomia e laqueadura, além de cirurgia de astroplastia de quadril e joelho, entre outras com grande demanda. 


Dengue

O primeiro boletim de 2020 sobre a dengue no Paraná aponta um aumento de 62,2% no número de casos da doença desde a última edição em dezembro. De lá pra cá, foram registrados mais 2.050 ocorrências. Ao todo, desde agosto de 2019, data do início do atual boletim epidemiológico, o estado já teve confirmados 5.343 casos de dengue. 


Da Redação ADI-PR Curitiba

Coluna publicada simultaneamente em 20 jornais e portais associados. Saiba mais em www.adipr.com.br